quinta-feira, 30 de março de 2006

Porquê?

Porque é que o ser humano tem que ser tão complicado? Porque é que não conseguimos incutir algum racionalismo nos nossos sentimentos?
Porque é que, tendo perfeita consciência que existem incompatibilidades gritantes, que existem diferenças óbvias na forma de viver, de ver a vida, não conseguimos que isso altere os nossos sentimentos por alguém? Porque é que, mesmo sabendo é o melhor a fazer, não temos o poder de eliminar uma pessoa da nossa mente? Porque é que abrimos mão de pessoas que têm tudo para ser perfeitas para nós, que sabíamos haver entendimento e identificação, apenas porque não há o click? Porquê? Porquê?

2 comentários:

CB disse...

E o que mais chateia é ter-se a perfeita noção de tudo isso,das incompatibilidades, dos interesses diametralmente opostos,até (e principalmente) dos sentimentos diferentes, e não obstante, continuar-se preso a situações que só prejudicam.
Pior ainda quando se sabe que há outros caminhos...
Se entretanto chegares a uma conclusão, partilha por favor... :)

Guy Pascoal disse...

Repressão Sentimental
Terrorismo cerebral
Repressão Sentimental
Terrorismo cerebral

Porque apesar de por vezes até dar um certo jeito, essa coisa da racionalização, se os sentimentos fossem racionais, isto não tinha gracinha nenhuma. Viver é sentir as emoções que não conseguimos pensar. É realmente pena não haver o clic, mas por muita identificação que haja, se não houver o clic não vale a pena.
Abram os olhos metam isto na cabeça, não é assim tão complicado, assim nunca mais saimos do buraco, por aí não vais a nenhum lado.